top of page

FRANÇA ANUNCIA CALENDÁRIO DE RELAXAMENTO DAS RESTRIÇÕES E MÁSCARAS DEIXARÃO DE SER OBRIGATÓRIAS

A França anunciou o calendário de relaxamento de restrições e as máscaras na rua deixam de ser obrigatórias já em 2 de fevereiro.

O governo francês irá afrouxar as regras em relação ao Covid-19 e as máscaras deixarão de ser obrigatórias ao ar livre a partir de 2 de fevereiro em território francês. Esta medida está inserida num plano de relaxamento de medidas, na mesma data, também será eliminada a obrigatoriedade do teletrabalho e passa a ser possível assistir a eventos com público sentado (neste caso, com o uso da máscara). O governo também anunciou que a partir do dia 16 de fevereiro haverá a reabertura das discotecas, e será possível o consumo de alimentos em estádios, cinemas e transportes, assim como o consumo em pé em bares. Já nesta segunda-feira, dia 24 de janeiro, entra em vigor o passe vacinal, que será de apresentação obrigatória em vários locais e que atesta que o indivíduo foi completamente vacinado para Covid-19.


A partir do dia 24 de janeiro então, não será mais possível entrar em alguns estabelecimentos apresentando o teste negativo e a partir de agora é preciso ter as vacinas em dia. Este passe então começa a ser exigido a todos os cidadãos com 16 anos ou mais. Quem tem de 12 a 15 anos pode continuar apresentando por enquanto o passaporte sanitário que já estava em vigência, que aceita tanto o certificado de vacinação, quanto o teste.


As crianças com menos de 12 anos não precisam apresentar o passe para a entrada nos estabelecimentos. Os franceses que tentarem fraudar o novo passaporte vacinal e forem pegos, receberão multas. Os Gerentes de estabelecimento podem inclusive solicitar um documento com foto para garantir que as informações do passaporte são verdadeiras.



O novo passaporte será implementado gradualmente, e quem iniciou a imunização recentemente ou ainda não tomou a dose de reforço sete meses após a segunda dose ainda poderá apresentar o resultado negativo de Covid-19. Para os viajantes que saem do Brasil a turismo, segue obrigatório apresentar o certificado de vacinação com duas doses da Pfizer, Moderna ou Astrazeneca, a dose única da Janssen ou com duas doses da Coronavac + dose de reforço da Pfizer ou Moderna. Neste momento também é necessário fazer o PCR ou o teste antígeno, qualquer um dos dois é preciso ser realizado menos de 48 horas antes do embarque para a França.



22 visualizações0 comentário
bottom of page