top of page

Como comprar carro em Portugal e os principais custos mensais

Atualizado: 18 de jan.



O processo de obtenção de um carro em Portugal tem muitas semelhanças com o processo no Brasil. Primeiramente, é preciso ter um NIF (Número de Identificação Fiscal) português, que equivale ao CPF brasileiro.


Também é necessário possuir documento de identificação, seja um passaporte válido ou uma Autorização de Residência (AR). O comprador também precisará provar que mora no país. Tanto o certificado de endereço quanto, em alguns casos, a própria AR podem ser aceitos.


Ter carta de habilitação não é obrigatório para comprar um carro em Portugal, no entanto, sem o documento não será possível dirigi-lo. Com início de vigência nesta segunda-feira (1), as novas regras no Código da Estrada consideram a CNH brasileira no mesmo nível dos documentos europeus em Portugal.


Outra pequena diferença na compra de veículo em Portugal é o seguro de automóvel. Enquanto no Brasil é opcional, em território português é obrigatório. O responsável pelo veículo deve sair da loja com o documento em mãos. Os preços variam de acordo com a seguradora contratada, tipo e ano do veículo.



Desde 2007, carros populares, por exemplo, têm um seguro médio anual a partir de 300 euros, segundo simuladores online. Fatores como a idade do condutor também influenciam o preço do seguro, sendo mais elevado para pessoas com idade igual ou inferior a 30 anos, prática aprovada pela ASF (Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões).


O condutor também precisa pagar, anualmente, o Imposto Único de Circulação (IUC), semelhante ao IPVA brasileiro. O preço depende do modelo e ano de fabricação do veículo, entre outros fatores. O valor a ser pago pode ser simulado online. O preço médio de um carro popular feito após o ano de 2017 é de 400 euros.


A Inspeção Periódica Obrigatória é outro procedimento anual para quem tem carro. A taxa aplica-se a quem possui veículos com mais de quatro anos de utilização, contados a partir da data de fabricação. O preço começa nos 31,80 euros, de acordo com a lei publicada no Diário da República (DRE).


As formas de encontrar o seu carro ideal são; concessionárias, lojas de carros novos ou usados ​​e sites. Além do método de compra à vista, existem métodos de financiamento, seja diretamente com os vendedores ou junto aos bancos. A exigência de entrada e o percentual de pagamento no ato da compra são definidos por cada instituição ou loja.



Ao adquirir um carro usado, o prazo para a transferência dos documentos do proprietário para o novo comprador é de 60 dias. O processo pode ser feito online ou em Lojas do Cidadão. O preço do procedimento inicia em 20 euros e aumenta de acordo com as condições, como, por exemplo, o valor da transferência e as mudanças de placa.


Sites de Busca de Carros Usados em Portugal



259 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page