top of page

Preço dos aluguéis em Lisboa tem a maior alta dos últimos anos



Arrendar imóvel em Portugal está cada vez mais caro. O valor médio de arrendamento em Lisboa aumentou 4,9% no segundo trimestre de 2022 em relação ao trimestre anterior, representando o maior aumento trimestral desde o final de 2017, de acordo com o Índice de Rendas Residenciais, calculado pela CI (Confidencial Imobiliário) com base nos valores de novos contratos.


Segundo a agência, em termos homólogos, o aumento do valor de arrendamento em Lisboa atingiu 14,6% no 2º trimestre, representando um forte aumento no trimestre do ano anterior, que se mantém acima dos 2,5%. A CI ainda destaca que, até ao ano passado, as rendas na capital estavam caindo, acumulando no 2º trimestre de 2021 uma variação homóloga de -12,0%.


Já no Porto, as rendas registaram um aumento trimestral de 3,7% no segundo trimestre. Onde a recuperação das rendas começou a ser observada no final de 2021, com um ritmo igualmente intenso, e um aumento trimestral superior a 3,5%.


Como resultado, as rendas no Porto registaram um crescimento homólogo de 11,7% no segundo trimestre, um evidente contraste face aos -9,8% verificados no ano anterior. A nível nacional, as rendas contratadas no segundo trimestre aumentaram 3,3% em termos trimestrais e 7,0% em termos anuais.


Segundo os dados do SIR-Arrendamento, no segundo trimestre de 2022 o contrato médio de arrendamento atingiu níveis sem precedentes de 15,1 €/m2 em Lisboa e 12,4 €/m2 no Porto. No geral, o país também atingiu um nível elevado, 11,6 €/m2.





71 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

留言


bottom of page