top of page

Imigração no aeroporto: Significado das letras no carimbo do passaporte

Atualizado: 1 de abr. de 2022

O que significa cada letra quando uma pessoa é impedida de entrar em um país? O que acontece quando a pessoa é recusada? Vamos entender letra a letra o significado dos impedimentos de entrar num território.

Eu tenho recebido muitos e-mails de membros do canal que tentaram entrar em diversos países europeus durante este período da pandemia, foram barrados pela imigração e tiveram uma letra adicionada no carimbo do passaporte. Quer saber o que cada uma delas representa?

Hoje eu preparei um guia completo sobre o significado das letras carimbadas no passaporte de quem teve a recusa em um país do Espaço Schengen. Então vamos lá: Sempre que um viajante chega a um país de avião ele passará pelo setor de imigração do aeroporto, e deverá apresentar todos os documentos exigidos por aquele destino.

Em alguns casos, se o agente da Polícia de Fronteira quiser saber mais informações sobre o motivo da sua viagem, ele pode te levar para uma entrevista mais detalhada onde você deverá explicar tudo que for questionado. E é nesse momento que, se estiver faltando algum documento ou se o agente desconfiar da intenção da sua viagem, você poderá ter o seu passaporte carimbado com letras que vão do “A” até a letra “I”.

Agora vamos fazer o caminho que você vai fazer quando desembarcar do avião em um voo internacional. Serão 3 etapas, primeiro você vai passar pela Imigração, depois Retirar Bagagem e por fim a Alfândega.


Assim que você desembarcar da aeronave deverá seguir as placas indicando Passport Control (Controle de Passaporte) ou Immigration (Imigração).


Chegando, você deve encontrar filas de residentes e não residentes do país. E os passageiros com família podem passar juntos na entrevista. Já no balcão, o agente de imigração vai verificar todos os passaportes e os formulários preenchidos com os dados de todos. E ele vai fazer algumas perguntas como: “Qual é o motivo da viagem? Quantos dias ficará no país? Onde vai ficar? Já visitou o país anteriormente?” Logo após as perguntas, o agente vai pedir para você e cada pessoa que estiver junto, coletar as impressões digitais e foto. Se tudo estiver certo, ele carimba o passaporte e fim do processo de imigração. Você pode entrar naquele destino.

Agora, importante, caso você seja convidado para uma entrevista detalhada saiba que os agentes são altamente treinados para detectarem os menores sinais de ansiedade e nervosismo que uma pessoa ou grupo de pessoas deixa transparecer no momento em que se depara com os procedimentos no setor de imigração. Portanto, seja sempre objetivo e direto nas respostas e não crie histórias, porque você pode acabar se enrolando e tendo a sua entrada negada.

Se você for selecionado para a tal entrevista e sua entrada for impedida, os agentes irão carimbar em seu passaporte o motivo da não permissão de entrada naquele país. As letras, como eu disse, vão do “A” até a letra “I”. E em alguns casos, poderão ser carimbadas até mais de uma letra, e por isso é tão importante conhecer e saber identificar essas letras, pois isso estará para sempre no seu passaporte.


As letras que são utilizadas, vão do “A” até a letra “I”.

Note que em certos casos, poderão ser carimbadas mais de uma letra, visto que poderão ser detectadas situações em que isso ocorra, da mesma forma, lembrar que os demais países do Espaço Schengen adotam os mesmos critérios de identificação.


A letra “A” – FALTA DE DOCUMENTO VÁLIDO.

quando carimbada em seu passaporte, significa que os agentes detectaram que você não possui um documento válido para viajar e ingressar no país, ou seja, falta do passaporte (quando cidadão de país terceiro não integrante do espaço Schengen).


A letra “B” – DOCUMENTO DE IDENTIFICAÇÃO FALSO OU CONTRAFEITO.

Essas situações ocorrem quando o cidadão por exemplo se utiliza de documento de terceiro para ingressar de forma fraudulente no país, promovendo pequenas alterações no referido documento, ou seja, promoveu adulteração do documento.


A letra “C” – PROBLEMAS COM SEU VISTO OU TÍTULO DE RESIDÊNCIA VÁLIDO.

No caso, o Visto ou mesmo o Título de Residência quando for o caso, por exemplo estão fora do prazo de validade, expirados. Um caso comum é o cidadão comum, que viaja como Turista, o que lhe permite permanecer 90 dias no exterior (podendo ser prorrogado, mas isso é tema para outro momento), tem o prazo do seu passaporte inferior a esse período. Ainda, é exigido que todo Turista / Viajante tenha o seu passaporte com prazo de validade de no mínimo 180 dias contados do embarque na origem de sua viagem.

Se você procura passagens aéreas baratas e com ótimas condições de pagamento para ter uma viagem inesquecível, clique no Banner abaixo e garanta excelentes descontos para chegar ao seu destino com total tranquilidade. Comprando suas passagens pelo banner, você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda no meu trabalho. Muito obrigada!

A letra “D” – PORTAR UM VISTO FALSO

Esta hipótese, por mais que possa parecer meio “absurda”, tenham certeza, ocorre com frequência. O cidadão, no ímpeto de sua vontade em entrar no território português, acaba fazendo uso de um Visto legalmente emitido, promove alterações, imprime o documento, cola em seu passaporte dando a impressão de ser verdadeiro e realiza sua viagem. Ocorre que o SEF acaba detectando tal situação e a viagem acaba ali mesmo na triagem. Dito isto, a consequência é a negativa de entrada em território no Espaço Schengen, no Portugal também está inserido.


A letra “E” – SEM COMPROVAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE ESTADA

Esta letra é uma das mais comumente utilizadas pelos agentes do SEF. Significa que no momento da entrevista com os agentes, estes detectaram que algum questionamento que lhe foi feito resultou em uma inconsistência com os “reais” objetivos de sua viagem. É naquele momento em que lhe perguntam o que veio fazer na Europa e o cidadão começa a gagejar, passa informações que não são condizentes com a realidade. Nesse momento, aquilo que aparentemente seria uma viagem de Turismo, deixa de ser e se detecta que há uma outra intenção por parte do viajante.

A letra “F” – PRAZO LEGAL PARA ENTRADA DE TURISTA (90 X 180)

Quando encontramos essa letra carimbada em um passaporte, significa que o cidadão foi impedido de entrar no espaço Schengen pelo simples motivo de ter estado em um dos Estados Membro deste acordo, retirou-se após expirado o prazo inicial que é de 90 (noventa) dias e tentou regressar sem observar que ele não pode retornar antes de passados 180 (cento e oitenta) dias da sua estada inicial.

Ou seja, se você vem a Turismo, pode ficar 90 dias, depois deve retornar ao seu país de origem. Uma nova viagem apenas será admitida após cumprido o prazo de 180 dias.

A letra “G” – SEM POSSE OU COMPRAVAÇÃO DOS MEIOS DE SUBSISTÊNCIA

A aposição em seu passaporte da letra “G” indica que quando tentou ingressar pelo setor de imigração, e, consultado acerca dos meios de subsistência para o período que supostamente o cidadão diz que irá ficar em território estrangeiro, os valores necessários para tal finalidade não estão presentes. Esses valores devem estar presentes em espécie, cartão de crédito internacional, depositados em conta (pode ter conta na Europa) por exemplo e, esses valores são calculados seguindo a Lei de imigração de cada país, portanto “pode” haver variação de um país para outro.


E se quiser viajar para a França com TRANQUILIDADE e SEGURANÇA, agende o seu horário para conversar comigo por videochamada. Eu posso te ajudar a tornar a sua viagem inesquecível. Clique no banner abaixo e venha fazer a sua consultoria de viagens comigo.

A letra “H” – INDICAÇÃO PARA NÃO ADMISSÃO NO ESPAÇO SCHENGEN

A indicação com a letra “H” implica dizer que o cidadão possui seu nome e demais informações inseridas no Sistema de Informação Schengen que é partilhado por todos os países que compõe este acordo. Normalmente ocorre quando o cidadão foi por algum motivo qualquer que se enquadre na Lei, deportado para o seu país de origem. Note, que nesse caso, é a primeira vez que utilizamos o termo DEPORTADO e não o termo IMPEDIDO, que são coisas distintas.


A letra “I” – PERIGO À ORDEM PÚBLICA

Eis aqui a última das nove letras utilizadas para indicar o motivo de uma possível não aceitação em território estrangeiro.

Trata-se da letra “I”. Esta letra uma vez carimbada no passaporte do cidadão, indica que o mesmo possui seu nome inscrito no Sistema de Informação do Espaço Schengen pelo fato de ele representar um sério PERIGO À ORDEM PÚBLICA. É utilizada para indicar todas as pessoas que alguma forma cometeram crimes graves no território estrangeiro, participaram de atos terroristas ou outras infrações consideradas graves e que possam colocar a Ordem Pública em risco.


Portanto, com as indicações de letras “H” e “I”, dificilmente o cidadão conseguirá ingressar em território do Espaço Schengen, salvo algum lapso por parte dos agentes de fronteira que não analisaram de forma correta e indicada os documentos do indivíduo.


Se você foi indicado com uma destas letras, não adianta fazer um novo passaporte pois os sistemas que controlam os registros de entrada possuem meios de identificar a pessoa mesmo se esta por qualquer motivo tenha obtido um novo documento (passaporte).


Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page