top of page

Portugal: O que fazer em Sines



Sines é uma antiga vila pesqueira, do litoral Alentejano, mais conhecida em Portugal como o local de nascimento do explorador Vasco da Gama. Este pequeno pedaço da costa alentejana é um dos locais mais procurados para as férias de verão devido às suas praias, com destaque para as praias de Porto Covo que estão entre as melhores de Portugal.


A cidade também esbanja história, natureza e muitas formas de diversão. É uma das portas de entrada do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e da Costa Vicentina, além de ponto de passagem da Rota Vicentina, e dona de uma gastronomia que oferece o melhor do mar.


Visitar Sines é sempre uma boa ideia para uma viagem de fim de semana, ou ainda para umas férias relaxantes. Para o ajudar a planejar a sua passagem por Sines, neste artigo vamos te dar dicas sobre o que visitar, ou o que ver e fazer em Sines.


Castelo de Sines



O Castelo de Sines é um castelo medieval construído sobre um despenhadeiro, que sofreu sucessivas ocupações desde o período Paleolítico. Utilizado principalmente para defesa, hoje é um dos melhores mirantes para o porto.


No século XIV, a vila burguesa de Sines exigiu a independência do rei Dom Pedro I em relação à Santiago do Cacém. O rei, interessado na importância estratégica do país na proteção desta zona costeira dos corsários, concede foral a Sines. Mas com uma condição: a construção de uma cerca para proteção.


O castelo foi construído durante a primeira metade do século XV. A sua área é pequena, meio hectare, o que pode ser explicado pelo fato de quando o castelo foi construído, a aldeia já ocupava uma área demasiado grande para ser completamente vedada. É considerado Monumento de Interesse Público desde 1933.


Porto Covo



Porto Covo é uma encantadora vila do Litoral Alentejano, e distrito da cidade de Sines, que apresenta belas praias entre altas falésias. A bela cidade de Porto Covo, com mais de mil habitantes, é o primeiro destino a norte da Costa Vicentina (região de Setúbal a Sagres, Algarve).


Esta acolhedora aldeia é um conjunto de casas brancas, com portas e janelas coloridas, todas agrupadas. A pitoresca rua principal (apenas pedonal) é a Praça Maquês de Pombal, repleta de cafés, restaurantes e lojas.


Monumento Vasco da Gama



A estátua de Vasco da Gama em Sines foi inaugurada a 19 de dezembro de 1970. A reivindicação de um monumento a Vasco da Gama era antiga. Em 1849, na monografia Breve Notícia de Sines, Francisco Luís Lopes defendia que a memória de Vasco da Gama deveria continuar em Sines, queixando-se de que não havia na cidade um monumento que informasse ao mundo de que este era o berço do descobridor do índias.


O filho mais famoso da cidade nasceu em algum momento da década de 1460, embora ninguém possa dizer o dia exato. Vasco da Gama conquistou seu lugar na história em suas viagens à Índia entre 1497 e 1499, tornando-se o primeiro europeu a chegar à Índia por via marítima, expandindo o Império Português, abrindo o comércio mundial e iniciando a era colonial.


Apropriadamente, a estátua de Vasco da Gama, e sua praça, fica de frente para o mar ao lado da praia e da torre oeste do castelo. Foi colocada lá em 1970, ano do seu 500º aniversário.


Se você tem planos de viajar para Portugal, aqui vai uma ótima dica: clicando no banner aqui embaixo você garante as melhores ofertas na compra do seu Seguro Viagem. Além de não pagar nada a mais por isso, você ajuda o meu trabalho!!


Praia dos Buizinhos



A Praia dos Buizinhos é uma pequena praia oceânica na costa de Portugal, na Península Ibérica, mais precisamente no concelho de Sines, banhada pelo Oceano Atlântico. A Praia dos Buizinhos recebeu esse nome porque muitas vezes se encontra conchas em sua areia, ou seja, búzios.


A pequena praia em forma de concha fica quase completamente submersa quando a maré está alta. No topo de sua falésia há um mirante (miradouro) bastante popular.


Museu de Sines



O Museu de Sines foi inaugurado em 2008 e contém uma importante exposição sobre o século XX em Sines, em termos de história, princípios etnográficos e desenvolvimento.


Neste museu, encontra-se também uma exposição das peças mais importantes do patrimônio arqueológico desta região, como o conhecido Tesouro do Gaio e as pedras visigóticas.


A Casa Vasco da Gama, que faz parte do museu, dispõe de um conjunto de dispositivos multimídia onde pode conhecer a biografia do famoso Vasco da Gama, os locais onde viveu, o castelo e a importância das suas realizações na história da humanidade.


Forte do Pessegueiro



O Forte do Pessegueiro foi concluído em 1690, durante o reinado de D. Pedro II para proteger a costa de piratas e corsários. O Forte do Pessegueiro está rodeado por um fosso murado, de planta poligonal estrelada, com 2 baluartes poligonais e uma bateria poligonal voltada para o mar.


No interior, os edifícios, cobertos de colmo, estão dispostos em U. Uma igreja, dedicada a Nossa Senhora da Queimada, e a área da bateria acima das casamatas foram destruídas durante o terremoto de 1755. Sabe-se que o exército existiu até pelo menos 1844. O local é considerado de Interesse Público desde 1957.



Compartilhe fotos e vídeos nas redes sociais durante sua viagem. Clicando no banner abaixo você compra seu chip de viagem e fica totalmente conectado! Além de não pagar nada a mais por isso, você ajuda o meu trabalho. Muito obrigada!


Praia de São Torpes



A Praia de São Torpes é uma belíssima praia que fica na região de Sines. Localizada a sul da cidade, inserida no Parque Natural do Sudoeste Alentejano, esta é considerada como uma das praias mais bonitas de Portugal.


É necessário caminhar pelas dunas para chegar a praia, porém existem caminhos e passadiços para a caminhada. Graças à Central Termoelétrica CPPE, que se encontra na praia, a água do mar desta praia é muito quente, o que a torna muito procurada em algumas épocas. Nas proximidades, também é possível encontrar restaurantes e estacionamentos.


Ruínas Romanas de Miróbriga



As ruínas romanas de Miróbriga ficam em uma colina, a norte da cidade de Santiago do Cacém. São vestígios de um antigo estabelecimento português (por volta do século V a.C.), mas os vestígios atuais remontam à época romana (entre os séculos I e IV d.C.).


O complexo reúne os restos de uma praça ou mercado central, casas de mercadores e artesãos, dormitórios com restos de pinturas, e importantes termas, muito bem conservadas, divididas em dois conjuntos, um muito luxuoso, com mosaicos, mármore e colunas esculpidas, e o outro menor e modesto.


Em ambas as áreas termais existem saunas que podem ser visitadas, piscinas de água fria (frigidarium), salas quentes (caldarium), balneários, casas de banho públicas, caldeiras e um sistema de distribuição de água quente (hypocaustrum), que possuía pequenas galerias em arcos de tijolo, semelhantes ao esplendor atual das casas de campo.


Igreja de Porto Covo



A Igreja de Porto Covo, também conhecida como Igreja de Nossa Senhora da Soledade(por ter uma estátua da santa padroeira), é utilizada atualmente como igreja paroquial, sendo construída no século XVIII.


É uma igreja austera onde se nota o misto morfológico do reinado de D. Maria I. Dentro da tipologia mais difundida na arquitetura regional, o barroco, se vê nas vigas curvas e nas arestas do vão, enquadradas por uma forte estrutura geral.


A igreja está localizada no Largo Marquês de Pombal e, todos os anos, é o centro das festas de Nossa Senhora da Soledade.



Não importa o destino! Se você procura pelas melhores hospedagens com os menores preços, você só vai encontrar na Booking. Clica no banner abaixo para conferir!!


Me conta aqui embaixo! Já conhecia esses lugares? Quer mais dicas de lugares pra visitar na região?


Se for viajar para Portugal traga dinheiro na moeda local. Você pode abrir uma conta na Wise e já guardar o seu dinheiro em euro. Ou se quiser aplicar o seu dinheiro em dólar, recomendo abrir a conta na Nomad. Com o meu cupom POSSOTEMOSTRAR você garante 10 dólares de volta!


Saiba como, assistindo a este vídeo:



40 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page