top of page

Disneyland suspende vendas de passes anuais para controlar a capacidade de lotação do parque

Agora, os visitantes devem fazer reservas antes de entrar nos parques e resorts da Califórnia, uma regra que também se aplica aos portadores de ingressos válidos apenas por um dia.



A Disneyland Califórnia suspendeu as vendas de passe anual "Magic Key", ingresso válido para qualquer momento por 365 dias. O parque não anunciou data exata para a retomada da comercialização dos ingressos. De acordo com o Los Angeles Times, o objetivo da Disneyland é "gerenciar a experiência dos visitantes", disse Jaime Clower, porta-voz do parque.


Com a chegada do verão nos EUA, em junho, o tráfego de visitantes para a Disneylândia aumentou significativamente. O resort planeja liberar o passe anual ainda na temporada, mas espera-se que mais detalhes sejam comunicados posteriormente, de acordo com Clower.


O jornal Los Angeles Times também informou que entre outubro de 2021 e novembro de 2021, o parque parou de vender os dois passes anuais mais caros, o Believe Key e o Dream Key, este último com preço de US$ 1.399 ou 6.718 reais cada.



Os dois mais baratos, Enchant Key e Imagine Key, o mais barato, oferecendo apenas US$ 399 ou 1.916 reais para moradores do sul da Califórnia, saíram das bilheterias em 31 de maio.


A Disney reformulou seu programa de passe anual em 2021, quando introduziu a atual Magic Key, que é mais cara que a anterior. Agora, os visitantes devem fazer reservas antes de entrar nos parques e resorts da Califórnia, uma regra que também se aplica aos portadores de ingressos válidos apenas por um dia.


Anteriormente, qualquer pessoa com um passe podia visitar as atrações quantas vezes quisesse em um determinado dia. Entretanto, com a pandemia, as restrições foram aplicadas para controlar a movimentação e manter as medidas sanitárias preventivas para evitar o contágio da Covid-19.


Com o fim das restrições, as regras foram alteradas permanentemente para reduzir as filas e a capacidade do parque, bem como para a comodidade dos usuários. A Disneyland se recusou a dizer ao Los Angeles Times qual é seu limite atual de visitantes.



Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page