top of page

Ilha de Páscoa reabrirá aos turistas após 2 anos de impedimento

Governo chileno ainda não especificou quais seriam os requisitos exigidos aos visitantes.


A Ilha de Páscoa, uma das maiores atrações do Chile, reabrirá para o turismo em 1º de agosto. O local ficou fechado para turistas por mais de dois anos devido à pandemia de covid-19. No início da pandemia, manifestantes protestaram no aeroporto local contra a chegada de turistas que poderiam levar a um aumento de casos na ilha.


No entanto, ainda afetada pela epidemia, a Ilha de Páscoa recebe apenas dois a três voos por semana. "A reabertura ao turismo, em condições que serão comunicadas em ocasião oportuna, será permitida", disse o Ministério da Economia do Chile em comunicado oficial à agência Reuters. Governo chileno ainda não especificou quais seriam os requisitos exigidos aos visitantes.


A Ilha de Páscoa, ou Rapa Nui, como é conhecida na língua local, possui mais de mil estátuas de pedra, os moás, cabeças gigantes esculpidas há séculos pelos habitantes da ilha, que lhe trouxeram fama e status de Patrimônio Mundial da UNESCO.


A ilha fica isolada no meio do Oceano Pacífico e, se o local ficar superlotado, pode ser difícil o acesso em termos de transferência de pacientes. O governo ainda identificará melhorias na infraestrutura de saúde da ilha para evitar possíveis complicações de possíveis casos de covid-19 após a reabertura.


Além disso, o território também receberá subsídios para empresas e negócios da região afetada pela pandemia. O povo Rapa Nui, nativos da ilha, pode votar no final de 2021 se a ilha deve receber turistas novamente. Eles representam cerca de 60% dos 10 mil habitantes da ilha.





Posts recentes

Ver tudo

Bình luận


bottom of page